Entenda a importância do balanço financeiro para sua empresa

Você já viu em algum filme a cena de um trem desgovernado? Pois é exatamente o que acontece com uma empresa quando não se prioriza o balanço financeiro. Tudo fica descontrolado, sem um rumo definido e o pior: com as finanças soltas no ar. 

Assim, as contas chegam e o desespero também. Nada flui corretamente, os colaboradores ficam apreensivos e o empresário sempre sente que o tempo não corre a favor. Na verdade, as atitudes são as grandes responsáveis pela tranquilidade ou não. Ou seja, somente a organização dos dados vai contribuir com o devido sucesso operacional. 

Para você não se enrascar na gestão do seu negócio, continue lendo este post e veja como o planejamento é fundamental para manter as contas em dia e o coração batendo corretamente. Confira! 

Entenda como é feito o balanço financeiro 

O balanço financeiro é uma espécie de cérebro de uma empresa, que sempre necessita de cuidados para funcionar adequadamente. Afinal, tudo começa e se desenvolve por meio do dinheiro. Se as contas não estiverem no azul, certamente o seu negócio começará a falhar em vários aspectos, do operacional ao administrativo. 

Assim, reservar um tempo para analisar os dados, verificando o que está no caminho certo ou não, é um aspecto essencial na gestão.     

Dessa maneira, o balanço é um documento que demonstra como a empresa está em determinado período de tempo, verificando a contabilidade dos últimos meses. Frequentemente, ele é realizado mensalmente, semestralmente ou anualmente, de acordo com a política interna de cada empresa. 

Nele, são demonstrados os valores do patrimônio bruto e líquido, as despesas detalhadas, receitas, como foram conquistadas, além dos passivos e ativos, sugerindo ainda ações necessárias para melhorias, ou seja, metas e objetivos.

Descubra a importância do balanço financeiro  

Ao elaborar o balanço financeiro, o gestor saberá quanto poderá ser investido em determinado setor ou a quantia que precisa ser economizada em uma área que esteja apresentando números desfavoráveis, com as respectivas soluções ou até mesmo interrupções.

Com isso, é possível manter as contas em dia, prevendo determinadas situações de risco e já estabelecendo ações de enfrentamento. Trata-se de um verdadeiro escudo contra possíveis problemas que possam atingir a gestão de um negócio. 

Somente por meio dos dados é possível se informar corretamente sobre a saúde de uma instituição, ponto fundamental para as tomadas de decisões. 

Dessa forma, o empresário poderá agir com mais eficácia, como na contratação de novos colaboradores, na redução ou compra de um novo equipamento, passando pela substituição de prestadores de serviços ou renovação dos contratos. 

Conheça os principais erros na elaboração

No entanto, apesar da grande importância para o sucesso de um negócio, inúmeros empresários cometem vários erros na elaboração de um balanço financeiro, comprometendo consideravelmente as finanças de uma organização. E isso está nitidamente ligado com a restrição do crescimento ou até mesmo com uma possível falência. 

O primeiro aspecto que ainda acontece em algumas empresas é a coleta de dados de forma manual. Apesar de existirem vários avanços da tecnologia, alguns gestores ainda se baseiam na confiança dos livros de dados, do papel e caneta, deixando de lado o auxílio do meio digital. Além do aumento no gasto de tempo, as chances de erros aumentam consideravelmente, influenciando negativamente na produtividade.  

Outro aspecto pouco saudável é a apresentação de muitos dados sem a devida objetividade, tornando o entendimento complexo e dificultoso. A dica é sempre privar pela qualidade, priorizando o que realmente necessita de tomadas de decisões certeiras, que certamente resultarão em bons retornos para a empresa. 

A falta de comunicação entre os setores da empresa também pode ser considerada como prejudicial, pois isto isola as metas e faz com que ocorra uma competição nada benéfica dentro do ambiente de trabalho. 

A dica é buscar sempre a integração e o espírito colaborativo para que todas as áreas tenham a consciência de que são importantes para a sobrevivência e crescimento da empresa. A comunicação é fundamental na elaboração do planejamento estratégico! 

Além disso, podemos citar outros fatores negativos, tais como a ausência de um prazo para a apresentação do balanço, contabilidade manipulada, falta de acesso aos dados anteriores, planilhas manuais e falta de critérios na elaboração do balanço financeiro. Para a sua empresa não cair nesses erros, vamos mostrar agora alguns aspectos que devem sempre ser priorizados em suas análises. 

Faça um balanço patrimonial        

Trata-se de uma das mais importantes declarações financeiras de uma instituição. Por isso, o balanço patrimonial deve ser preciso e rigoroso, sem brechas para falhas. 

Nele, devem constar todos os dados contábeis. Os ativos, ou seja, investimentos e bens que pertencem à empresa e o patrimônio líquido e passivo, como capital e reservas. 

Com isso, a posição da sua empresa estará sendo apresentada. E esse aspecto é  fundamental para possíveis ações que possam ser úteis para desbancar a concorrência. É a situação econômica na atualidade do seu negócio. 

Elabore um relatório completo e detalhado    

As tomadas de decisões só serão bem-sucedidas caso o relatório esteja bem completo e bem detalhado, sem margens para dúvidas ou receios. Mais uma vez, o auxílio de um sistema tecnológico é essencial para ajudar na compilação dos dados.  

Faça uma apresentação objetiva e sem cálculos complexos que possam interferir no entendimento de quem observa. Foque nas soluções, pontos que estão indo bem e informe os resultados abertamente aos colaboradores, privando pela transparência. 

Procure um contador 

Nada melhor do que contar com um profissional especializado para contribuir com um balanço financeiro que possa auxiliar a sua empresa na busca pela conquista das metas e objetivos. 

Nesse sentido, um contador é fundamental. Caso a sua instituição não conte com este tipo de colaborador, busque um serviço terceirizado no momento de elaborar o relatório, tendo mais tranquilidade no entendimento dos dados. 

Analise as diferenças entre lucros e prejuízos 

Um dos aspectos mais importantes no balanço financeiro é mensurar a diferença entre os lucros e possíveis prejuízos. 

Dessa maneira, você poderá estabelecer metas para a equipe e também se aprofundar em um planejamento estratégico que contribua para melhorar a gestão financeira. Portanto, fique atento às demonstrações das informações.

Avalie as tendências do mercado 

Esse é um ponto muito importante que deve sempre constar em seu balanço financeiro. Afinal, questões do mercado geralmente influenciam nas empresas. Alguns exemplos são as mudanças de governo, crises financeiras, sazonalidades, enfim, as tendências do mercado como um todo. 

Assim, uma análise de contexto contribui na elaboração de um planejamento alicerçado e bem estruturado que esteja dentro da realidade financeira e operacional da sua empresa. 

E aí, gostou do nosso post? Quer aprender mais sobre finanças? Então leia agora o post que mostra as 11 melhores práticas de gestão financeira para indústria.

Redes sociais:
Facebook
Facebook
Email
RSS
LINKEDIN