Quais são os principais mercados que utilizam o plástico reciclado

Quando descartados de maneira irresponsável, os resíduos plásticos levam anos para se decompor e causam enormes danos ambientais. Por isso, a reciclagem desse material é fundamental para o meio ambiente. Porém, esse não é o único benefício: o plástico reciclado, além de dar origem a novos objetos, é uma importante fonte de renda para muitas pessoas.

Os materiais plásticos movimentam uma importante cadeia econômica, que inclui desde cooperativas de catadores de resíduos até indústrias de transformação. O ciclo de vida desse composto ilustra o conceito de economia circular, ou seja, o resíduo, além de ser retirado da natureza, ganha valor econômico ao ser transformado novamente em matéria-prima.

Hoje, diversos mercados utilizam o plástico reciclado na composição de seus produtos. Quer conhecer as vantagens da reciclagem e as principais aplicações do material? Então, acompanhe nosso post!

Conheça os benefícios da reciclagem do plástico

Como explicamos, o descarte de resíduos plásticos no lixo comum acaba sobrecarregando aterros sanitários e estações de tratamento. Além disso, em muitas cidades, em função da deficiência dos programas de coleta seletiva, vários itens plásticos, como copos, garrafas e canudos, tendem a entupir os bueiros públicos e causam sérios problemas urbanos, como alagamentos.

Também há situações em que os resíduos, levados pela água da chuva, alcançam rios e mares, prejudicando o ecossistema de várias regiões. Peixes e outros animais aquáticos, além da própria população desses locais, que são afetados pelo excesso de resíduos contaminando as águas. Em várias cidades do litoral brasileiro, a maior parte do lixo marinho é composto por resíduos plásticos.

A falta de conscientização acerca da importância da reciclagem é a principal responsável por essa situação. A insuficiência dos programas públicos de coleta colabora para o crescimento do problema, mas, na verdade, muitas pessoas ainda não perceberam o valor econômico dos resíduos plásticos. Uma vez reciclados, esses materiais deixam de contaminar o ambiente e se transformam em insumo industrial.

Saiba como o plástico reciclado é usado na indústria

Vários segmentos industriais utilizam o plástico como matéria-prima. Desde a construção civil até a indústria moveleira, esse material ocupa um lugar de destaque na fabricação de vários produtos e objetos utilizados no dia a dia das pessoas.

No entanto, é importante explicar que nem todo resíduo plástico pode ser reciclado, seja por conter mais de um tipo de material em sua composição, seja por estar contaminado com algum produto considerado perigoso (caso das embalagens de lubrificantes automotivos, por exemplo).

Além disso, os materiais classificados como termoplásticos, que respondem por aproximadamente 80% dos plásticos consumidos, podem ser moldáveis quando aquecidos, processo que pode ser repetido outras vezes. Já os termorrígidos ou termofixos, que não se fundem por aquecimento, não podem ser reciclados pelos processos convencionais.

Por isso, a triagem de materiais na indústria plástica é tão importante. Alguns materiais que podem ser encaminhados para a reciclagem , por exemplo são:

  • Polietileno Tereftalato (PET), utilizado em garrafas e copos descartáveis, entre outros;
  • Polietileno de baixa densidade (PEBD), usado em embalagens de pães e outros alimentos;
  • Polietileno de alta densidade (PEAD), usado em embalagens diversas, como shampoos e detergentes;
  • Policloreto de vinila (PVC), que compõe tubos e cones de construção, além de embalagens mais resistentes;
  • Polipropileno (PP), usado na indústria automotiva e na construção civil, além de compor os canudos de plásticos e alguns brinquedos, entre outros;
  • Poliestireno (PS), usado, por exemplo, em talheres plásticos, embora não seja um produto comum para a reciclagem.

Confira os principais usos industriais do plástico reciclado

Vários segmentos industriais utilizam o plástico para fabricação de seus produtos. Conheça os principais usos desse material tão versátil.

Indústria automotiva

O plástico reciclado é usado em motores, para-choques, painéis, maçanetas, carcaça dos faróis, grades de ventilação do motor e espelhos retrovisores, entre outros elementos. O uso dele proporciona leveza aos veículos, o que reduz o consumo de combustíveis, promovendo mais eficiência energética.

Conforme dados da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast), a indústria automotiva responde por 11% do uso do plástico no Brasil.

Construção civil

Os materiais plásticos são usados em fachadas, janelas, sistemas de água e esgoto, revestimentos, forros e telhados, entre outros. Em obras de grande porte, esse composto substitui dormentes para estradas de ferro.

As vantagens do plástico na construção civil são o custo competitivo, além de maior resistência mecânica e à corrosão. 23,4% do plástico nacional é usado na construção civil.

Fabricação de móveis

Cadeiras e objetos de design, prateleiras, gaveteiros, móveis para uso externo, como bancos e poltronas de jardim, entre outros, são fabricados a partir do plástico reciclado. Entre as vantagens, podemos citar maior durabilidade, resistência a temperaturas mais elevadas e baixa absorção de umidade. O uso do material na indústria moveleira alcança 4,4%.

Embalagens

Engradados e outras embalagens plásticas protegem os produtos, facilitam o armazenamento e possibilitam a criação da identidade visual das marcas. Os invólucros desse tipo são mais leves e mais econômicas se comparadas a outros materiais, como vidro ou aço, além de mais resistentes.

Embora a Abiplast não tenha separado essa categoria de uso do plástico, se somarmos os índices de alimentos (7,1%), produtos utilizados no comércio (10%), bebidas (5,5%), perfumaria, higiene e limpeza (3,1%), farmacêutico (0,8%) e outros (1,3%), podemos pressupor que esse é o principal mercado para ele.

Produção de brinquedos

Os brinquedos infantis fabricados em plástico são seguros, têm grande durabilidade e podem ser novamente reciclados, transformando em outros fins. Além de objetos menores, esse composto é utilizado na fabricação de playgrounds, em casinhas e escorregadores, além de produtos maiores, como carrinhos e motocas.

Vestuário

As fibras plásticas já estão presentes na indústria de vestuário, compondo itens como o chamado couro sintético, como Poliuretanos, usado em calçados, jaquetas, cintos e bolsas, entre outros. O nylon também é produzido a partir de polímeros.

Os materiais plásticos garantem durabilidade, beleza e originalidade às peças, com a vantagem de poderem ser reciclados. Esse setor, segundo a Abiplast, responde por 0,9% do uso do plástico no Brasil.

Como você percebeu, o plástico reciclado é um produto de qualidade, muito importante para vários setores produtivos, reduzindo custos operacionais e minimizando o descarte inadequado de resíduos na natureza. Por essa razão, é fundamental investir em campanhas que promovam a conscientização a respeito da importância dos programas de coleta, que é o principal gargalo do setor.

Gostou de conhecer os principais usos do plástico na indústria e sua importância como matéria-prima? Então, assine agora mesmo a nossa newsletter e fique por dentro de todas as inovações da indústria de transformação plástica.

Redes sociais:
Facebook
Facebook
Email
RSS
LINKEDIN